Toda estratégia de marketing precisa gerar engajamento, principalmente nas redes sociais, que chegam a superar o e-mail e estão entre as principais atividades realizadas pelos usuários na internet.

Para se ter uma ideia, as pessoas passam 28% do seu tempo total navegando nessas plataformas, o que transforma as redes sociais em excelentes oportunidades para as empresas.

Qualquer negócio que eu utilize esses canais, têm a chance de se comunicar com cerca de mais de 2 bilhões de pessoas. Só no Brasil, são cerca de 140 milhões de usuários.

De acordo com um levantamento realizado pelo LinkedIn, 81% dos pequenos e médios negócios utilizam as redes sociais. Mas as empresas estão competindo cada vez mais para atrair a atenção do consumidor.

Com isso, surgem novas estratégias que envolvem os recursos visuais e audiovisuais, além de expor a visão e a cultura do negócio para que as pessoas realmente se interessem pela marca.

Assim, provando que existem seres humanos reais por trás desses perfis nas redes sociais corporativas, é que uma marca conquista engajamento.

Pensando nisso, neste artigo, vamos explicar o que é engajamento nas redes sociais, falar um pouco mais sobre a sua importância, como estruturar uma estratégia e como calculá-la. Confira!

O que é engajamento nas redes sociais?

Antes de explicar o conceito de engajamento nas redes sociais, é interessante compreender o seu significado dentro do marketing digital.

Nesse contexto, o engajamento serve como um indicador que mostra se as ações de uma marca são ou não eficientes para se comunicar com seu público-alvo.

Para medi-lo, a companhia utiliza um cálculo que considera todas as interações registradas e divide o valor pelo alcance total da marca nessas plataformas.

Com isso, um restaurante especializado em buffet para casamento completo consegue compreender se suas estratégias estão de acordo com o perfil da audiência e os objetivos propostos.

Voltando-se para as redes sociais, o engajamento é uma métrica que mede o quanto o conteúdo da corporação está alcançando o público.

Ele mostra a porcentagem que está sendo impactada pelas estratégias de comunicação e que está interagindo com a página.

Para calcular essa métrica, é necessário informar a quantidade média de interações registradas em um período e o alcance total da empresa em determinada mídia. Todo e qualquer tipo de interação deve ser considerado, como:

  • Reações;
  • Comentários;
  • Compartilhamentos;
  • Cliques;
  • Retuítes;
  • Menções.

O total pode ser segmentado por campanha, período ou post, dependendo da estratégia de mensuração utilizada pelo negócio.

O resultado da soma é dividido pelo alcance da página, que nada mais é do que a quantidade de seguidores que ela possui.

O resultado pode ser multiplicado por 100, para que assim uma clínica de avaliação psicológica infantil possa obter o percentual de engajamento.

Importância do engajamento nas redes sociais

Atualmente, uma marca não pode olhar apenas para a dimensão do público que conquistou, pois isso não é suficiente para avaliar sua presença na internet.

Mais do que contar o número de seguidores, é fundamental medir a eficácia das ações de curto e médio prazo, e a métrica funciona como um medidor que avalia a eficácia de todo o investimento em marketing nessas plataformas.

Se você fez uma postagem e uma boa quantidade de pessoas responderam a essa publicação, então é um sinal de que o engajamento é positivo e está alinhado com a comunicação do negócio.

É importante lembrar que as redes sociais mudaram seus algoritmos e isso fez com que muitos conteúdos, principalmente provenientes de empresas, deixassem de aparecer na linha do tempo dos usuários.

Na verdade, a prioridade são publicações que engajam mais, tanto pessoais quanto organizacionais. Mas o que as empresas precisam fazer é ajustar sua comunicação para que assim possa ter um bom índice de engajamento.

Se o engajamento do público de um fabricante de balcão refrigerado aberto é bom, naturalmente essa empresa vai conseguir impactar clientes em potencial, o que aumenta as chances de fazer negócio.

Como estruturar essa estratégia?

Até aqui, já se sabe que um negócio precisa estar presente nas redes sociais, mas não basta apenas criar o perfil comercial, é fundamental investir em estratégias que engajam os seguidores, e algumas formas de fazer isso são:

1 – Conhecer a persona

Persona é um personagem semi-fictício, que representa o perfil de cliente ideal do negócio, e traz informações sobre essas pessoas, como idade, profissão, estado civil, gênero, escolaridade, localização, expectativas, objetivos, necessidades, entre outros.

Ter a persona bem definida é fundamental para saber com quem a sua empresa está falando nas redes sociais, e isso também ajuda a melhorar a comunicação, usando o tom de voz adequado e os canais mais apropriados.

Se uma farmácia de remédio homeopático para depressão sabe quem é o seu tipo ideal de cliente e como ele se comunica, vai ficar muito mais fácil convencê-lo.

2 – Produzir conteúdos relevantes

Também com base no perfil da sua persona, vai se tornar muito mais simples produzir conteúdos que falam sobre assuntos do interesse dessas pessoas.

Isso é crucial para melhorar o engajamento nas redes sociais, uma vez que conteúdos de valor e que correspondem aos objetivos e necessidades da audiência promovem um relacionamento com os potenciais clientes.

Esses materiais precisam solucionar algum problema, esclarecer dúvidas, além de estarem compatíveis com a etapa da jornada de compra, na qual o potencial cliente se encontra.

3 – Participar ativamente

Faça com que os usuários percebam que o seu negócio participa ativamente das redes sociais, e uma das formas de fazer isso é entrar em uma conversa que já está acontecendo.

Uma oficina mecânica a domicílio pode comentar sobre eventos, tendências atuais e aproveitar essas oportunidades para mostrar seu posicionamento e se conectar instantaneamente com as pessoas.

Tudo pode ser motivo para uma conversa, como eventos esportivos, memes, feriados, datas comemorativas e até tendências da cultura pop.

4 – Humanizar a marca

O consumidor gosta de se envolver com empresas que mostram que por trás de seus canais digitais existem pessoas de verdade, portanto, procure humanizar o seu negócio o máximo que puder.

Compartilhe o dia a dia de trabalho da sua equipe, mostre quem são os colaboradores e incentive as pessoas a interagir com suas publicações nas redes sociais.

Não se esqueça também de responder perguntas e comentários, mostrar bom humor e cordialidade e deixar o público participar dos bastidores da empresa.

5 – Falar sobre a sua área

Para estabelecer um relacionamento valioso para todos os envolvidos é necessário ter muita paciência e se dedicar aos detalhes.

Empresas que falam demais sobre a própria marca incomodam as pessoas e podem até mesmo fazer com que elas desconfiem de sua idoneidade.

Por outro lado, um escritório de arquitetura especializado em reforma de banheiro pequeno pode demonstrar que conhece sobre o assunto e que é uma verdadeira referência naquilo que faz.

Você só precisa falar um pouco mais sobre o mercado do seu negócio, os desafios que ele enfrentou, como conseguiu superá-los e contar a história da existência da empresa para as pessoas.

Como calcular o engajamento nas redes sociais

Existem diferentes maneiras de calcular o engajamento nessas plataformas. Por exemplo, o YouTube considera o tempo que os usuários permanecem assistindo um vídeo, e não o play.

Ou seja, a visualização só acontece, de fato, quando o usuário clica no vídeo de uma empresa de lavagem de tapetes residenciais e assiste o conteúdo por certo tempo. Portanto, é fundamental considerar essas diferenças.

Existem ferramentas que fazem esse cálculo, como no caso do Instagram Analytics, que considera todas as ações que o usuário faz em um post, como comentário, clicar no perfil, curtir, enviar para outra pessoa, visitar o perfil, dentre outras possibilidades.

Independentemente disso, para calcular o engajamento em interações por alcance, a fórmula mais utilizada é somar todos os tipos de engajamento e dividir pelo alcance da postagem. Mas nunca é demais dizer que existem ferramentas que fazem esse cálculo.

De qualquer forma, uma empresa de cuidador de cães deve se lembrar que o alcance das postagens pode variar muito, considerando o sucesso do material publicado.

Agora, para calcular o engajamento com base nas interações por seguidores, é necessário somar todas as interações nas postagens e dividir pelo total de publicações do período.

Considerações finais

Embora o cálculo de engajamento seja um procedimento muito simples, analisar e melhorar essa métrica constantemente é indispensável para o sucesso do perfil do seu negócio nas redes sociais.

Se a empresa consegue obter um bom nível de engajamento nessas plataformas, naturalmente vai aumentar as possibilidades de fazer negócio.

As pessoas estão nas redes sociais para interagir e não para comprar, mesmo assim, as organizações compreendem a necessidade de construir sua presença nesses sites e fazer com que o público se interesse por suas publicações.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.